• Dr Thiago Bandeca

Risco de mortalidade e eventos cardiovasculares associados ao consumo de carnes


Estudo realizado nos Estados Unidos analisou o alto consumo de carne e a relação com doenças cardiovasculares (CV) em adultos.

O objetivo do estudo foi identificar as associações entre o consumo de carne vermelha processada e não-processada, aves ou peixe com a incidência de doença CV e mortalidade por todas as causas.

Foram analisados os dados, em nível individual, de 29.682 indivíduos, média de idade 53,7 anos, sendo 44,4% homens, participantes de 6 coortes de adultos, dos Estados Unidos. Os dados do padrão dietético foram coletados entre 1985 e 2002. O seguimento se estendeu até 2016. A razão de chance (HR), a diferença absoluta do risco de 30 anos para a incidência do desfecho CV composto (DAC, AVC, IC e morte CV) e a mortalidade por todas as causas, baseados em cada consumo adicional de 2 porções semanais ou 2 porções versus nenhuma, foram estimadas. Durante o seguimento médio de 19 anos, foram observados 6.963 eventos CV e 8.875 mortes por todas as causas. As associações do consumo de carne vermelha processada, não-processada, aves ou peixes e a incidência de eventos CV e mortalidade por todas as causas foram não-lineares (p≥0,25), exceto para associação entre o consumo de carne vermelha processada e a doença CV, que foi linear (p=0,006). Após ajustes, o consumo de carne vermelha processada (HR 1,07 IC 95%:1,04-1,11), de carne vermelha não-processada (HR 1,03 IC 95%:1,01-1,06), ou de aves (HR 1,04 IC 95%:1,01-1,06), se relacionaram significativamente com a incidência de doença CV. O consumo de peixe não se associou significativamente com o risco de doença CV (HR 1,00 IC 95%:0,98-1,02). O consumo de carne vermelha processada (1,03 IC 95%:1,02-1,05) ou não-processada (HR 1,03 IC 95%:1,01-1,05), significativamente, se associaram com a mortalidade por todas as causas, enquanto o consumo de aves (HR 0,99 IC 95%:0,97-1,02) e de peixes (HR 0,99 IC 95%:0,97-1,01), não foram significativos. Os autores concluíram, que esses resultados sugerem que o consumo de carne vermelha e de aves (mas não o de peixes) se relacionam com incremento no risco de doença CV, enquanto a carne vermelha, também se associa com maior mortalidades por todas as causas. Esses achados têm implicações importantes na saúde pública e devem justificar novas investigações.

Fonte:

Associations of Processed Meat, Unprocessed Red Meat, Poultry, or Fish Intake With Incident Cardiovascular Disease and All-Cause Mortality.

Consumo de carne vermelha e de aves associado ao risco de mortalidade e eventos de CV.

#Aterosclerose #Alimentação #Cardiologia #Hiperlipidemias #InsuficiênciaCardíaca #Pesocorporal #Prevenção #Doençacardíaca #Saúdedocoração

3 visualizações

Siga

Consultório Dr Thiago Bandeca

Uniq Vergueiro - Av. Senador César Vergueiro, 480, sala 31, Ribeirão Preto - SP, CEP 14020-500 Brasil

©2020 Bandeca Serviços Médicos by Evelyn